Jovens da 1ª turma da Central de Aprendizagem recebem certificados e planejam um futuro melhor
Notícia publicada por Assessoria de Imprensa em 21/11/2018 19:32

                                                   Na mesa, o juiz Afonso Henrique, o desembargador Claudio de Mello Tavares e a diretora da United Health Group, Odete Freitas

 

O antigo Tribunal do Júri, no Palácio da Justiça, abrigou na tarde desta quarta-feira (21/11), uma cerimônia que emocionou a todos: 15 jovens receberam seus certificados de conclusão do Curso de Formação Cidadã e Comportamental, oferecido pela Corregedoria Geral da Justiça, em parceria com a empresa United Health Group (Amil) e com o Instituto Ser Mais. Os jovens, que estão em abrigos, liberdade assistida ou semiliberdade estão agora prontos para entrar no mercado no trabalho e com a documentação completa.

Todos estavam vestidos com uma camiseta branca com uma estampa criada por eles representando a inclusão e a igualdade racial. No curso, eles tiveram aulas sobre informática, empreendedorismo, marketing pessoal e educação financeira, entre outros temas, assistiram a palestras motivacionais e conheceram o AcquaRio e o Museu do Amanhã.

- A Central de Aprendizagem da Corregedoria Geral da Justiça é resultado de uma ideia que surgiu quando visitei unidades do Degase e jovens internos me perguntaram se eu poderia ajudá-los. Essa ideia se materializou com o empenho de agentes públicos – magistrados, promotores, defensores públicos e servidores – que veem na justiça um caminho para a formação do caráter de jovens, meninos e meninas, oferecendo-lhes oportunidade efetiva de reinserção social – disse o corregedor-geral da Justiça, desembargador Claudio de Mello Tavares, acrescentando:

- Vocês foram os escolhidos para representar outros 1.200 jovens que estão em nosso banco de dados. A postura e o compromisso de vocês serão a vitrine para abrir as portas para os demais.

Reinserção social

O desembargador convocou, em seguida, empresários e representantes de instituições públicas e privadas a participar “do desafio de oferecer perspectivas de futuro aos jovens através de convênios com o Tribunal de Justiça”.

O juiz auxiliar da Corregedoria Geral da Justiça Afonso Henrique Barbosa parabenizou a todos os envolvidos no curso e se dirigiu aos jovens:

- Parabéns por terem superado mais esta etapa. Tenho certeza de que aparecerão muitas outras alternativas. Que vocês nunca percam a esperança porque a vida é feita de obstáculos. Que vocês sirvam de exemplo e de inspiração para outros jovens e empresas e que este exemplo seja levado a todos os estados brasileiros.

A diretora de sustentabilidade da United Health Group, Odete Freitas, ressaltou a importante transformação dos jovens formandos:

- Familiares, nunca desistam desses meninos porque eles já deram certo e planejaram o que querem para o futuro. Quando planejamos as coisas, elas acontecem. Quem nunca cometeu erros na vida? Vocês serão tentados muitas vezes porque a rua apronta. Mas vocês serão o exemplo para esses mais de mil jovens. Espero que, no futuro, vocês possam estar aqui conduzindo outros jovens e dizendo para eles: ‘se eu pude, você também pode! ’ Vocês têm uma riqueza que muitos milionários gostariam de ter: saúde e juventude. Planejem e foquem no que vocês querem.

I., orador da turma, agradeceu a todos os envolvidos nesse projeto:

- Obrigado pela dedicação de todos os professores, que trouxeram boas energias nos ajudando a explorar todo o nosso potencial. Cada vez que saíamos de casa para o curso era como matar um leão por dia, mas aprendemos que é necessário ser calmo para mantermos a energia positiva. Passamos a sonhar sonhos, antes inimagináveis que, hoje, sabemos que são possíveis, se fizermos o planejamento. Crescemos durante o curso e esperamos que outros jovens tenham essa oportunidade também. A partir de hoje, começamos a escrever o nosso futuro.

Participaram também da cerimônia os juízes Vanessa Cavalieri, da Vara da Infância e da Juventude; Sérgio Luiz Ribeiro, presidente da Coordenadoria Judiciária de Articulação das Varas da Infância, Juventude e Idoso (Cevij); e Lucia Glioche, da Vara de Execuções de Medidas Socioeducativas da capital; o bispo auxiliar da Arquidiocese do Rio de Janeiro, D. Joel Portela, representando o Cardeal Arcebispo D. Orani Tempesta; o diretor jurídico do United Health Group Brasil, Eduardo Gil; João Márcio Alves Ferreira, representante da Carvalho Hosken; Rosane Masiero, representando o Senac; Claudia Neves, representando o Centro de Integração Empresa Escola (CIEE); e a diretora-geral de Administração da CGJ, Alessandra Anátocles; além de outros servidores do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro.

Fonte: Assessoria de Comunicação da CGJ/RJ