Novo Fórum de Teresópolis é inaugurado
Notícia publicada por Assessoria de Imprensa em 08/11/2013 18:45

O novo Fórum de Teresópolis, na Região Serrana do Rio, foi inaugurado nesta sexta-feira, dia 8 de novembro. A solenidade de inauguração do prédio, que ganhou o nome Juiz Ivo de Carvalho Werneck, contou com a presença da presidente do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro, desembargadora Leila Mariano. “É um prazer bastante grande poder inaugurar um Fórum nas condições em que este está sendo inaugurado”, destacou.

A presidente do TJ agradeceu aos Poderes Executivo e Legislativo, pois, segundo ela, para a concretização do plano de uma nova sede para o Fórum de Teresópolis, foi necessária a cessão do terreno pela prefeitura. A desembargadora destacou que, com o prédio novo, foi possível aumentar a segurança e melhorar a acessibilidade e a sustentabilidade.

A desembargadora também elogiou os juízes da Comarca que, em 2011, quando a cidade foi vítima de enchente, foram decisivos para a expedição de certidões e outras ações. “Eles exerceram a magistratura além da jurisdição. Empenharam-se individualmente e coletivamente para resolver as agruras por que passava a população”, enfatizou. “A magistratura unida, forte, que dialoga com os outros poderes e a população, pode mais”, acredita a presidente do TJ.

Para o juiz diretor do Fórum de Teresópolis, Marcio Olmo Cardoso, a união foi decisiva para a execução da obra do novo Fórum, que era uma reivindicação antiga da Comarca. “Não tínhamos estrutura para atender com dignidade nossa população. Hoje conhecemos o fruto dessa união. Temos um prédio inteligente próximo aos demais poderes. Quem mais ganhou foi a população de Teresópolis. Hoje é um dia histórico para a sociedade teresopolitana”, afirmou o magistrado.

A obra, com área total de 12.059,90m², conta com cinco andares. O prédio, localizado na Rua Carmela Dutra, 678, no bairro Agriões, possui teto verde, água com sistema de aquecimento solar, automação predial, acessibilidade e sistema de reutilização de águas pluviais, e é previsto que reúna em um só lugar todos os órgãos da Justiça estadual, facilitando o acesso da população ao exercício de seus direitos fundamentais. A comarca de Teresópolis tem, atualmente, um acervo de 51.995 processos.

A solenidade de inauguração contou também com a presença do corregedor-geral da Justiça do Rio, desembargador Valmir de Oliveira Silva; do ex-presidente do TJRJ no biênio 2011/2013, desembargador Manoel Alberto Rebêlo dos Santos; dos desembargadores Joaquim Domingos de Almeida Neto e Joaquim Mousinho; da juíza dirigente do 3º Núcleo Regional (Nur), Myrian Therezinha Simen Rangel Cury; do juiz auxiliar da Corregedoria Paulo Jangutta; do prefeito de Teresópolis, Arlei de Oliveira Rosa; do presidente da Câmara Municipal de Teresópolis, vereador Maurício Lopes; do representante da OAB 13ª subseção (Teresópolis), Jefferson Soares; da procuradora de Teresópolis, Rosilda de Carvalho Barbosa; e da viúva do juiz Ivo de Carvalho Werneck, Maria Cândida de Miranda Werneck, entre outros.

Galeria de Imagens