Estudantes da Rural conhecem Antigo Palácio da Justiça

Alunos posam para fotos no Salão dos Passos Perdidos


Fascinante. Assim pode ser definida a visita dos 32 alunos do curso de Direito da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ) de Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, na última quarta-feira, dia 28. O passeio pelo Antigo Palácio da Justiça foi mediado pela educadora Blanca Soares, do Museu da Justiça.

Os estudantes do 1º período percorreram ambientes históricos do Judiciário, como o hall de entrada, Salão dos Passos Perdidos, Tribunal do Júri, Tribunal Pleno e o Salão dos Espelhos, onde conheceram a história do Direito Ambiental, em cartaz numa exposição organizada pelo Museu.

Perguntada se os estudantes gostaram da visita, a professora de Introdução aos Estudos do Direito Civil, Gislane Pantoja, não pestanejou. "Pelo olhar deles, já percebo que o passeio foi enriquecedor. Eles estão conhecendo o Direito e as leis. Tão importante quanto saber a letra da lei é conhecer sua história, seu contexto", afirmou.

A aluna Laís Silva, de 18 anos, ficou encantada com um detalhe entre tantas belezas do Antigo Palácio: uma placa que servia de recomendação aos antigos jurados do Tribunal do Júri, para que tomassem suas decisões com sabedoria. O aviso fica ao lado da entrada do salão. "Muito interessante observar a responsabilidade dos jurados. Não é apenas uma questão de inocentar ou culpar alguém. É preciso agir com cautela e justiça", disse a estudante.

Serviço

As inscrições para as visitas guiadas podem ser feitas pelos telefones (021) 3133-3532/3497 ou pelo e-mail seexp@tjrj.jus.br. Elas são realizadas todas às terças-feiras (14h) e quartas-feiras (11h e 14h). São aceitos, por sessão, grupos de até 40 pessoas. Aos funcionários do TJ-RJ são computadas horas de capacitação pela Escola de Administração Judiciária (ESAJ).

Mais informações, clique aqui.

O Museu da Justiça fica na Rua Dom Manuel, 29 - Centro, dentro do Antigo Palácio da Justiça.