Centro da Memória Judiciária de Niterói promove visita guiada para funcionários da Biblioteca da cidade

O grupo de funcionários da Biblioteca Pública de Niterói, tendo ao fundo, a exposição Dom João VI e a Justiça em Niterói As visitantes conheceram também a mostra A Justiça e sua Simbologia

O Centro da Memória Judiciária de Niterói promoveu nesta quarta, dia 17, a visita guiada de um grupo de funcionários da Biblioteca Pública da cidade. As sete pessoas foram conhecer o antigo Palácio da Justiça fluminense e seus aspectos históricos, culturais e arquitetônicos. Elas tiveram acesso ainda as três exposições que estão em cartaz: "Projeto Memória do Poder Judiciário", que retrata a Justiça de outras épocas; "Dom João VI e a Justiça em Niterói", que destaca a criação da Vila Real da Praia Grande; e "A Justiça e sua Simbologia".

O passeio guiado teve a duração de uma hora e começou nas escadarias do prédio, com o educador do Centro da Memória, Marcos Villas Bôas, falando um pouco sobre o conjunto arquitetônico ao redor da Praça da República. Em seguida, os visitantes conheceram o "hall" de entrada do palácio, onde estão o retrato do patrono do Fórum, desembargador Jalmir Gonçalves da Fonte, e a estátua do conhecido jurista Rui Barbosa.

A visita prosseguiu pelo plenário do Tribunal do Júri, no 1º andar, onde o grupo teve acesso aos aspectos históricos do local e do funcionamento da Justiça fluminense de 1º Grau. As pessoas visitaram depois parte da exposição "Projeto Memória do Poder Judiciário" e o suntuoso Salão do Tribunal Pleno, onde puderam conhecer um pouco da Justiça fluminense de 2º Grau. O passeio continuou pela 2ª parte da mostra do "Projeto Memória", tendo sido finalizado no 2º andar, onde estão as mostras "Dom João VI e a Justiça em Niterói" e "A Justiça e sua Simbologia".

"Para a diretora da Biblioteca Pública de Niterói, Gloria Blauth, um dos objetivos da visita guiada promovida pelo Centro da Memória Judiciária é o de Conhecimento e Ampliação de parcerias, já que todos estão no mesmo Corredor Cultural. "Trabalhamos ao lado do Centro de Memória. Fomos, inclusive, a inauguração. E consideramos a visitação como uma verdadeira 'aula de história'. Muito boa. Pretendemos que outros funcionários venham conhecer o espaço", afirmou.

O Centro da Memória Judiciária de Niterói fica na Praça da República, s/nº - no Centro, dentro do antigo Palácio da Justiça, e funciona de segunda a sexta, das 11h às 18h. A instituição é administrada pelo Museu da Justiça / DEGEM, unidade vinculada à Diretoria Geral da Gestão do Conhecimento (DGCON) do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro.

Mais informações, pelos telefones 3002-4284/4285 ou pelo e-mail museudajustica.niteroi@tjrj.jus.br

Rua Dom Manuel, nº 29 - sala 202 - Centro - RJ - CEP - 20.010.090 Tels.: (21) 3133-2515/3553 - Fax.: (21) 3133-3548
www.tjrj.jus.br - e-mail: digco@tjrj.jus.br